Portal sobre Empreededorismo, Gestão, Administração

Faça o Login:

e-mail:

Senha:

 

 

Bom Dia

Total Membros: 672028

Total Empresas: 155512


Ir para o conteúdo

Menu principal:


Destaques

6 novidades do preenchimento da Declaração de IR 2014

Veja o que muda na forma de preencher e entregar a declaração de imposto de renda de 2014, referente ao ano de 2013

CNPJ: Receita lança aplicativo que permite consulta a cadastro de empresas

A Receita Federal lançou hoje, 10-2, um aplicativo para facilitar a vida de empresários, contadores e despachantes que lidam com o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ). O programa será disponibilizado para dispositivos móveis (tablets e smartphones) com sistemas operacionais Androide e iOS (Apple).

Com o programa, será possível acessar dados como nome da empresa, situação e natureza jurídica, endereço e até mesmo a opção pelo Simples Nacional. O dispositivo permite ainda a consulta e o cancelamento de uma solicitação cadastral e a localização das empresas em mapas. Também será possível saber se a empresa está ativa ou inativa.

Outra funcionalidade do aplicativo é a permissão para acesso à tabela com códigos ou atividades econômicas (CNAE). No CNAE, o usuário pode encontrar, a partir da digitação da descrição de uma atividade ou de uma palavra-chave, os códigos de classes e subclasses.

Fonte: Agência Brasil
http://www.idealsoftwares.com.br/idealnews/noticia.php?id=10433&goback=%2Egde_3729345_member_5838942897512153091

Fraternally,
Gustavo Rocha
GestãoAdvBr CEO - Consultancy on Strategic Management and Technology
Bruke Investimentos CEO - Business, Valuation, M&A, Opportunities, Market Business and more.

Mobile: [51] 8163.3333 |
Contact: gustavo@gestao.adv.br [Mail, Skype, Gtalk, Twitter, LinkedIn, Facebook, Instagram, Youtube] |
Web: www.gestao.adv.br | www.bruke.com.br |



12 erros comuns na declaração do IR que podem deixar você na malha fina

De acordo com o especialista Francisco Arrighi, diretor da Fradema Consultores Tributários, grande parte dos contribuintes que caem em malha fina apresenta deslizes insignificantes que ocorrem durante o preenchimento do formulário da declaração. Esses contribuintes representam uma parcela anual de aproximadamente 30%, e para 2014 a Receita Federal estima a recepção de cerca de 27 milhões de declarantes.

Para o especialista, deixar para última hora a análise das despesas que serão inclusas na declaração também contribui para ocorrência de erros, já que o contribuinte tende a realizar o preenchimento com mais pressa e alguns detalhes importantes acabam passando despercebidos. “É sempre mais prudente preencher a declaração com antecedência e, sempre que possível, com a assessoria de um profissional especializado que orientará o contribuinte de forma correta sobre o preenchimento do documento”, afirma o especialista.

Com o objetivo de auxiliar os contribuintes para a declaração do Imposto de Renda 2014, o especialista disponibiliza uma lista com os 12 erros mais frequentes na declaração:

1 – Digitar o ponto (.), em vez de vírgula (,), considerando que o programa gerador da declaração não considera o ponto como separador de centavos.

2 – Não declarar todos os rendimentos tributáveis recebidos, como, por exemplo: salários, pró-labores, proventos de aposentadoria aluguéis etc.

3 – Não declarar o rendimento tributável recebido pelo outro cônjuge, quando a opção for pela declaração em conjunto.

4 – Declarar o somatório do Imposto de Renda Retido na Fonte descontado do 13º salário, ao Imposto de Renda Retido na Fonte descontado dos rendimentos tributáveis e descontar integralmente este somatório do imposto devido apurado.

5 – Declarar o resultado da subtração entre os rendimentos tributáveis e os rendimentos isentos e não tributáveis, ambos informados no comprovante de rendimentos fornecidos pela fonte pagadora (empresa).

6 – Declarar prêmios de loterias e de planos de capitalização na ficha “Rendimentos Tributáveis”, considerando que esses prêmios devem ser declarados na ficha “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva".

7 - Declarar planos de previdência complementar na modalidade VGBL como dedutíveis, quando a legislação só permite dedução de planos de previdência complementar na modalidade PGBL e limitadas em 12% do rendimento tributável declarado.

8 – Declarar doações a entidades assistenciais, quando a legislação só permite doações efetuadas diretamente aos fundos controlados pelos Conselhos Municipais, Estaduais e Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente e limitadas em até 6% do imposto devido.

9 - Declarar Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva, como Rendimentos Tributáveis, como por exemplo o 13º salário.

10 - Não declarar os Ganhos ou Perdas de Capital quando são alienados bens e direitos.

11 - Não declarar os Ganhos ou Perdas de Renda Variável quando o contribuinte opera em bolsa de valores.

12 – Declarar despesas com planos de saúde de dependentes não relacionados na declaração do IR.

Fonte: http://www.administradores.com.br/noticias/economia-e-financas/12-erros-comuns-na-declaracao-do-ir-que-podem-deixar-voce-na-malha-fina/84089/

Expectativa é que novo sistema acelere processo e evite equívocos
O contribuinte do Imposto de Renda pessoa física poderá contar com a declaração pré-preenchida em 2014, de acordo com a assessoria de imprensa da Receita Federal. Detalhes sobre o assunto, como a abrangência, porém, dependem da publicação de uma instrução normativa. Ainda não foi divulgada a data, mas há rumores que as regras possam ser conhecidas já na segunda semana de fevereiro.

Em várias entrevistas no final de 2013, o supervisor nacional do imposto de renda, Joaquim Adir, afirmou que o contribuinte optante pelo modelo simplificado e que possui certificado digital vai receber a declaração pré-preenchida, apenas para realização de ajustes ou adição de despesas e deduções.

No dia 17 de dezembro do ano passado, Adir afirmou ao jornal “Brasil Econômico” que a proposta inicial era abranger mais contribuintes, mas, para assegurar a confidencialidade das informações, esse tipo de declaração será implementada em etapas.

Para ele, 2014 deverá ser um ano para avaliar a qualidade da declaração pré-preenchida. O novo método deverá ser colocado à disposição para um maior número de contribuintes em 2015.

Menos erros. O presidente do Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais (CRC/MG), Marco Aurélio da Cunha de Almeida, diz que a ideia é que, pelo novo sistema, o contribuinte não precise incluir os dados de rendimento de empresas. As informações já estarão incluídas no formulário assim que o declarante importar os dados do ano anterior, com base na Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte (Dirf), enviada pela fonte pagadora.

As informações já estarão incluídas no formulário assim que o declarante importar os dados do ano anterior. De acordo com o Adir, esse novo sistema vai acelerar o processo de entrega e evitar erros que atrasam o pagamento das restituições ao longo do ano.

“Ainda não foi divulgado os detalhes oficialmente. A intenção da Receita é ter agilidade. Afinal, o contribuinte apenas vai verificar se os dados estão corretos. Será um avanço”, observa Almeida.

O presidente do CRC/MG, recomenda que os contribuintes já separem os papéis necessários para fazer a declaração de 2014 (referente ao ano-base de 2013), como gastos com saúde e educação. “Não é bom deixar para a última hora. É melhor separar tudo com calma para evitar erros”, frisa.

O prazo para a entrega do formulário do Imposto de Renda 2014 começa em 6 de março, logo após o feriado de Carnaval e se estende até 30 de abril.

Histórico

Discussão longa. A proposta da declaração de imposto de renda pré-preenchida está sendo discutida desde 2011 pela Receita e já foi postergada várias vezes nos últimos anos.



www.midianews.com.br/conteudo.php

Fonte: Midia News/IG
As matérias aqui apresentadas são retiradas da fonte acima citada, cabendo à ela o crédito pela mesma.

Agora sim! PJe neles!

No final do ano passado, no apagar das luzes de 2013, uma notícia que merece ser o artigo de abertura para 2014: O CNJ decidiu: Agora é só o PJe. Chega de outros sistemas, chega de mil regras diferentes.
Agora, advogado, foque, aprenda, exercite a paciência em cima do PJe, pois ele será o seu instrumento de trabalho.
Vejamos um trecho da reportagem:
Os tribunais brasileiros devem gradualmente implantar, no prazo de 3 a 5 anos, o Processo Judicial eletrônico (PJe), desenvolvido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em parceria com os tribunais. Em 2014, a implantação deve ocorrer em pelo menos 10% dos órgãos julgadores de primeiro e segundo grau. A previsão consta da resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aprovada por unanimidade na terça-feira (17/12), durante a 181ª Sessão Ordinária.
De acordo com a resolução, Os tribunais de pequeno porte, segundo estabelece a resolução, devem ser os primeiros a concluir a implantação do PJe, em 2016. Os de médio porte terão até 2017 para implantar o sistema. Devido ao maior volume de processos e complexidade, os tribunais de grande porte terão um ano a mais para concluir a implantação.
a implantação do PJe deve ser concluída em 2018, quando todos os processos judiciais estarão tramitando exclusivamente por meio eletrônico pelo sistema PJe.
Fonte:
O título do artigo não se trata de euforia por ser o PJe perfeito, mas sim, porque finalmente teremos um sistema único.
Com um sistema único, iremos aprender, errar e acertar até ajustar o sistema e não como estamos hoje com inúmeros sistemas diferentes.
Leia na íntegra a resolução 185:
http://www.cnj.jus.br/images/resol_gp_185_2013.pdf
Nesta resolução, além de determinar a utilização do PJe com exclusividade, temos outros pontos interessantes:
Os Tribunais podem definir um tamanho máximo, mas este não pode ser inferior a 1,5 mb.
Tamanho máximo dos arquivos:
No caso de indisponibilidade (óbvio), mas no caso de usuário externo não tiver assinatura digital por motivo de caso fortuito ou força maior também pode peticionar fora do sistema.
Peticionamento fora do PJe:
Se forem muitos documentos, a parte pode no prazo de 10 juntar em secretaria o físico, que serão devolvidos ao término do processo.
Quantidade de documentos:
Os órgãos do judiciário deverão manter computadores a disposição das partes e advogados para acesso ao Pje.
Computadores:
10% em 2014 e o final mesmo só em 2018.
Meta de implantação:
Continua obrigatória, mas no caso de falha, o usuário pode acessar por login e senha e assinar em até 5 dias os documentos enviados apenas por login e senha.
Assinatura digital:
E mais…
Lógico que a resolução tem vários outros pontos, vale a pena ler na íntegra.
E ressalto que a OAB tem plena razão ao pedir o peticionamento em papel enquanto os problemas do PJe não forem totalmente solucionados, afinal não devemos ser cobaias de um sistema, mas sim usuários do mesmo.
E vamos que vamos iniciar 2014, agora, pelo menos, com um sistema apenas para nos preocuparmos.
#Força#Foco#Sucesso
____________________________________________________
Article by Gustavo Rocha
GestãoAdvBr CEO – Consultancy on the Strategic Management and Technology
Bruke Investimentos CEO – Business, Valuation, M&A, Opportunities, Market Business and more.
Mobile: |
[51] 8163.3333
Contact: [Mail, Skype, HangOut, Twitter, LinkedIn, Facebook, Instagram, Youtube] |
gustavo@gestao.adv.br
Web: | |
www.bruke.com.br
Fraternally,
Mobile: Gustavo RochaGestãoAdvBr CEO - Consultancy on the Strategic Management and TechnologyBruke Investimentos CEO - Business, Valuation, M&A, Opportunities, Market Business and more.|
Contact:
gustavo@gestao.adv.br [Mail, Skype, Gtalk, Twitter, LinkedIn, Facebook, Instagram, Youtube] |
Web:
www.gestao.adv.br | |www.bruke.com.br

Comissão aprova a universalização do Supersimples

Brasília - A Comissão Especial da Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira (11) Projeto de Lei Complementar (PLP 221) que vai permitir a inserção de quase meio milhão de micro e pequenas empresas que faturam até R$ 3,6 milhões por ano no Supersimples e uma redução média de 40% em sua carga tributária. A medida, que segue agora para o plenário da Câmara, deverá ser votada no primeiro semestre do próximo ano.

Para o presidente do Sebrae Nacional, Luiz Barretto, este foi um passo significativo para o fortalecimento das micro e pequenas empresas brasileiras. “Continuo esperançoso que o Parlamento continuará a ajudar este segmento tão importante”, avaliou Barretto. Após a aprovação da medida pela Comissão, o ministro da Micro e Pequena Empresa, Guilherme Afif Domingos, destacou também o papel do Congresso. “Dependemos fortemente do Congresso Nacional. Ele não é um simples coadjuvante. Ele é o protagonista desse processo”, disse o ministro

Com a aprovação da medida, clínicas médicas, consultórios de dentistas, escritórios de advocacia, pequenas imobiliárias e mais de 200 outras atividades com faturamento anual de até R$ 3,6 milhões, até então enquadradas no regime de lucro presumido, passarão a ter o direito a aderir ao Supersimples. Com a universalização do regime, são esperadas não somente a redução do número de empreendimentos informais como também o aumento do volume de empregos nos pequenos negócios. “O grande interesse do governo é dinamizar a economia, e poucos projetos, neste momento, teriam um efeito tão imediato quanto este”, avaliou o ministro da Micro e Pequena Empresa.
Presidente do Sebrae, Luiz Barretto acompanhou a votação
Um estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT) aponta que, em um primeiro momento, a migração de 447 mil micro e pequenas empresas do regime de lucro presumido para o Supersimples geraria uma retração de 0,073% na arrecadação federal, o equivalente a R$ 981 milhões por ano. No entanto, o estudo considera que a diminuição da carga tributária para os pequenos negócios irá motivar empresas hoje informais a regularizar a situação, reduzindo o impacto sobre os tributos, além de impulsionar a geração de vagas. “Quem carrega esse país no momento de crise são as micro e pequenas empresas. Temos que valorizá-las”, defendeu o deputado federal Efrain Filho (DEM-PB).

Substituição tributária

Outro ponto aprovado no PLP 221 é o da substituição tributária, um mecanismo em que as Secretarias de Fazenda dos Estados cobram antecipadamente o ICMS das mercadorias adquiridas pelos empreendedores. Por causa dessa antecipação, quando um pequeno comerciante vai fazer, por exemplo, estoque para vendas futuras, ele tem que pagar o ICMS antes mesmo de saber se irá vender. Com isso, ele fica sem capital de giro, correndo o risco de quebrar ou de ir para a informalidade. Ao avaliar a questão, os parlamentares dos Estados entenderam que é melhor incentivar as micro e pequenas empresas do que garantir uma arrecadação somente no curto prazo”.
Mais informações:
Assessoria de Imprensa Sebrae
(61) 2107-9300
(61) 2104-2770/2769/2766
(61) 3243-7851
Fonte: Agência Sebrae

Nota fiscal eletrônica para o consumidor final vai melhorar a relação entre lojistas, clientes e Fisco
A nota fiscal eletrônica (NF-e), de venda, já é muito bem conhecida pelas empresas em transações b2b e de e-commerce. Mas, a partir de abril de 2014, em São Paulo, o documento chegará ao consumidor final.
Para isso, o varejo já começa a se despedir da impressora de emissão do Cupom Fiscal (ECF) e se adaptar à emissão do documento digital. Por enquanto, a NFC-e está sendo utilizada em sete estados: Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Acre, Amazonas, Maranhão, Rio Grande do Norte e Sergipe. Segundo a Associação Brasileira de Automação Comercial (Afrac), o varejo deverá investir cerca de R$ 1 bilhão na aquisição dessa solução fiscal, com base em levantamento do IHL Group, voltado a pesquisas em varejo e tecnologia.
As novidades para o consumidor são a garantia da validade e autenticidade da transação. No modelo digital, o cliente pode escolher como receber o Danfe (Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica): impresso de forma resumida ou detalhado, por e-mail, SMS ou via QR Code. O varejista poderá emitir notas com valor de até R$ 200 mil e terá 30 minutos para cancelar a venda, se necessário. A desvantagem é que o varejista deverá arcar com alguns custos, como a compra (contratação) de serviços de internet e de certificação digital, para se adaptar ao novo modelo. Apesar disso, os gastos com automação e a alta burocracia do atual sistema, por exemplo, devem ser reduzidos. O objetivo da medida é trazer para os varejistas e lojistas redução de custos e agilidade nos processos de controle dos documentos fiscais emitidos, através do registro online de saída das mercadorias para o consumidor final.
De acordo com Sidney Kaczemorska, sócio da Organisys Software, desenvolvedora do Bling, software virtual (online) voltado para gestão empresarial e, em breve, para emissão da NFC-e, essa nova funcionalidade vai facilitar as vendas e o controle para o Fisco. "O processo de venda será facilitado, mas não deve alterar o método. No entanto, o consumidor não perderá nenhuma etapa da transação e ainda vai poder receber a nota no formato desejado. Com a emissão da nota totalmente online, o Fisco deverá aumentar a arrecadação, incluindo até mesmo as microempresas, que deverão se adaptar ao sistema."
Além do barateamento do processo, outra vantagem é a agilidade no envio de informações, conclui Sidney.
Fonte: Jornal Contábil.

Aviso aos navegantes:
A 1º Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ) definiu em 14.08.13, em recurso repetitivo, que a Fazenda Pública pode redirecionar aos sócios cobranças fiscais abertas por empresas que fecharam as portas sem comunicar a fiscalização. Para os ministros, a cobrança independe da apuração sobre motivo da dissolução irregular ou da culpa do administrador. A decisão foi proferida por maioria de votos em um julgamento polêmico que entrou na pauta. Como ocorreu por meio de recurso repetitivo, o julgamento servirá de orientação para tribunais do país. Na prática, os ministros mantiveram em vigor a Súmula nº 435, segundo a qual "presume-se a dissolvida irregularmente a empresa que deixar de funcionar no seu domicílio fiscal, sem comunicação aos órgãos competentes, legitimando o redirecionamento da execução fiscal para sócio-gerente".

Prezados amigos da Serra Gaúcha!
No dia primeiro de Maio (sim, no feriado) teremos um curso de gestão na OAB de Bento Gonçalves.

Será uma oportunidade excelente para se atualizar e estar conectado as principais novidades atuais.

Veja o folder em anexo e o site:
http://www.oabbentogoncalves.org.br/index.php?option=com_content&task=view&id=409&Itemid=20

Curso de Gestão de Escritórios



Evento promovido pela Comissão de Estudos Jurídicos e Responsabilidade Social - CEJRS será realizado no dia 1º.05.2013, na sede da Subseção da proposta de uma comissão atuante na organização e divulgação dos treinamentos, cursos, palestras, oficinas, e demais atividades, voltadas para a constante atualização e aperfeiçoamento profissional da classe, a CEJRS segue na promoção destes eventos, e divulgando o Curso de Gestão de Escritórios.Data: 1º.05.2013 (quarta-feira)

Investimento: doação de livros e/ou agasalhos

Programação:
13h30m - Recepção, credenciamento;
Momento Departamento Jurídico
14h - Palestra: Visão do departamento jurídico como estratégico
1. Indicadores, prognóstico e contingência
2. Gestão versus padronização
3. Importância de um software jurídico no escritório e no departamento
3.1. Como escolher um software
3.2. Gestão aplicada ao software
3.3. Automatização de tarefas
15h30m - Intervalo
Momento Escritório de Advocacia
15h45m - Palestra sobre Processo Eletrônico
1. A gestão do escritório frente processo eletrônico
2. Processo Eletrônico na visão do judiciário, advocacia e parte
3. Aspectos práticos do PJe
17h15m - Coffee Break
17h30m - Palestra sobre Marketing Jurídico Presencial e Eletrônico
1. O que é Marketing Jurídico
2. Ferramentas Eletrônicas
3. Novidades e Tendências
19h - Encerramento.

Palestrante: Gustavo Rocha
Advogado Pós-Graduado em Direito Empresarial com mais de 15 anos de vivência no âmbito jurídico.

Atuou como gerente de escritórios de advocacia por mais de 4 anos. Experiência nos estados do RS, SC, PR e SP.
Presta exclusivamente consultoria nas áreas de gestão e tecnologia estratégicas para escritórios de advocacia e departamentos jurídicos, mantendo sua OAB atualizada como ferramenta de luta nos interesses da classe junto a OAB e Tribunais, através das comissões da OAB.
Possui publicação em livro pela OAB/SC no livro OAB em Movimento, OAB editora, além de diversos artigos publicados em revistas e periódicos físicos e eletrônicos.
Atua também como palestrante em diversos eventos nacionais e ministra treinamentos in company de gestão e tecnologia.

VAGAS LIMITADAS!
Inscrições
EXCLUSIVAMENTE pelo email bentogoncalves@oabrs.org.br.

Aproveite o feriado, dê um pulo na Serra Gaúcha e mantenha-se atualizado!
Um forte abraço e muito sucesso!

Gustavo RochaSócio
GestãoAdvBr - Consultoria em Gestão e Tecnologia Estratégicas[+55] [51] 8163.3333 | gustavo@gestao.adv.br [email, msn, gtalk] | @gestaoadvbr [twitter] | gestaoadvbr [skype] | todos os contatos
Acesse o portal do seu celular; para utilizar o QRCode (acima), é necessário o software gratuíto Kaywa Reader, disponível em:
http://reader.kaywa.

Amigos,

A Consultoria GestãoAdvBr está com uma promoção: Sortearemos 3 ingressos para este evento. Basta curtir a Página da Consultoria GestãoAdvBr no Facebook até o dia 19/4. No dia 19/4 a noite informaremos no site os sorteados!

Wilson Giglio ministrará a palestra:

+Organização=+Produtividade =+Lucratividade

Especialmente para empresas de Comunicação Visual

nos dias 13 e 15 de Março.

Cadastro gratuito no site:
www.fespabrasil.com.br/pt

Vocês sabem o valor de cada multa?
Sendo elas correts ou não, no final temos que paga-las....

Tabela de Infrações a vigorar a partir de 01 Jan 2013 - Olho vivo!

Leilão de mercadorias apreendidas pela Receita Federal passa a ser acessível a pessoas físicas

Publicada em 11/11/2012 às 9:00h
A Portaria RFB nº 2.347/2012, publicada no Diário Oficial da União de 09/11/2012, promoveu atualizações em normativas internas - Portarias RFB nº 2.206/2010 e nº 3.010/2011 - a fim de propiciar a participação de pessoas físicas em leilões eletrônicos promovidos pela RFB.

Amputados Vencedores

Última Semana Preciso sua ajuda DIVULGUE,Amputados Vencedores está entre 100 blogs mais votados,do prêmio TOP BLOG 2012, conto com seu voto para continuar nessa luta,o site criado em 2001 pelo ex-Eletricista Flávio Peralta, após sofrer grave acidente trabalho, um choque 13.800 volts, que levou amputar os seus dois braços, hoje o site tornou-se referência na Área Deficiência e Segurança do Trabalho,mais 544 palestras pelo Brasil

Lançou o Livro Amputados Vencedores Porque a vida continua e OS PERALTA, Cartilha Vamos Praticar Segurança do Trabalho, recebendo mais 50.000 mil visitas ao mês, ajudando pessoas no Brasil e no mundo, voce poderá votar por e-mail, twitter e facebook,
Conto com seus 3 votos. Logo abaixo clique no link Votar.

TOPBLOG
http://www.amputadosvencedores.com.br/exibe_conteudo.asp?id=1771&local=20

Obrigado e um abraço,
Flávio e Jane Peralta

Amputados Vencedores
PALESTRAS SIPAT/CIPA
43 3338-1791 / 3028-1791 e 9997-6275

Twitter 112.000 seguidores @flavioperalta
http://www.amputadosvencedores.com.br/
Blog- http://www.palestranteflavioperalta.com/

APOIANDO O DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL E A CAPACITAÇÃO DOS EMPRESÁRIOS BRASILEIROS, O CONSULTOR EM GESTÃO EMPRESARIAL E PALESTRANTE, WILSON GIGLIO, PROMOVE A DISTRUIBUIÇÃO DE + DE 1.400 BRINDES ESPECIAIS PARA TODOS OS PROFISSIONAIS, ESTUDANTES E EMPRESÁRIOS BRASILEIROS, MEDIANTE O CUMPRIMENTO DESSAS TAREFAS: Clique aqui

 

Novo serviço da Receita permite tirar CPF gratuitamente via Internet

ADV Network™ - Diretoria Social – assunto de interesse geral e gratuito Pelo sistema anterior, o processo de obtenção do número do CPF era feito em agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, ou nos Correios, por R$ 5,70

A partir do dia 02/08/2012, é possível fazer gratuitamente a inscrição no pela internet. O serviço, liberado pela Receita Federal, irá funcionar 24 horas por dia, 7 dias por semana, inclusive nos feriados.

Anteriormente, a obtenção do número do CPF era feita em agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, ou nos Correios, por 5,70 reais. Esses locais continuarão oferecendo o serviço pelo mesmo preço.

O pedido de inscrição no CPF pela internet consiste no preenchimento de formulário eletrônico com os seguintes dados: nome, data de nascimento, título de eleitor, sexo, nome de mãe, naturalidade, endereço, telefone fixo e celular.

Ao final da solicitação, será gerado, automaticamente, o número de inscrição no CPF e o "Comprovante de Inscrição no CPF". Então, é preciso anotar esse numero ou imprimir o comprovante.
O documento poderá ser impresso de imediato ou, posteriormente, quantas vezes forem necessárias, sem qualquer custo para o solicitante.

De acordo com a Receita, apenas nos casos em que haja inconsistência nos dados informados pelo solicitante, ele será orientado a ir até uma unidade de atendimento das conveniadas (Correios, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal) para retirar o CPF.

A Inscrição via Internet não acaba com os canais tradicionais de atendimento, diz a Receita. Desse modo, a pessoa física que possuir título de eleitor poderá solicitar sua inscrição no CPF tanto pela internet quanto por intermédio dessas entidades.

Se você é titular de um Ponto de Apoio ADV Local, preste atenção nesse serviço que já está disponível para as comunidades, gratuitamente.

====Comunidade Sakuda no LinkedIn:
http://www.linkedin.com/groups?home=&gid=1366&trk=anet_ug_hmComunidade Sakuda - A Comunidade de quem Agita o Mercado desde 2000.Moderadores da Comunidade Sakuda: Luiz Sakuda, Fred Ramos, Rudinei Modezejewski, Luiz Mendonça, Robert R. Roman, Allison Lannes e Leandro Blanes

Tom Coelho inaugura novo Portal

Exatos nove anos após colocar seu primeiro site no ar, Tom Coelho lançou, em 2 de julho de 2012, um novo portal repleto de funcionalidades para seus internautas.A área de artigos foi ampliada e agora contém todos os textos já produzidos, organizados por temas e com a data original de publicação. Os artigos também apresentam uma breve resenha de seu conteúdo e imagem ilustrativa associada. A sessão de parábolas, sempre muito visitada, foi revista e ampliada.O perfil de Tom Coelho ganhou um amplo descritivo baseado no conceito das Sete Vidas.Palestras e treinamentos estão detalhadamente apresentados. Além disso, vídeos com trechos de apresentações de Tom Coelho estão disponíveis. E a imprensa ganhou espaço contendo releases, entrevistas, fotos e minicurrículo em diversos formatos.SIPAT, setor público, educação e Sistema S ganharam destaque em seções personalizadas.Em breve outros recursos serão disponibilizados como clippings para a imprensa, um blog intitulado "Olhar de pai", onde Tom Coelho falará de seu papel em relação aos filhos e o Facebook será integrado à home do site.

Acesse o novo site:
http://www.tomcoelho.com.
Tom Coelho – Palestras e Treinamentos
Assessoria de Imprensa
imprensa@tomcoelho.com
Tel: (11) 4612.1012

 

Universidades de prestígio dos EUA criam cursos on-line gratuitos

Cinco universidades de prestígio dos Estados Unidos criarão cursos on-line gratuitos para estudantes em todo o mundo por meio de uma nova plataforma de ensino interativo, chamada Coursera, anunciaram os criadores nesta quarta-feira (18).
Os dois fundadores, professores de ciência da computação da Universidade Stanford, também anunciaram que receberam US$ 16 milhões em financiamento de duas empresas de investimento do Vale do Silício.

O Coursera vai oferecer mais de três dezenas de cursos universitários no ano que vem por meio de seu
site, sobre assuntos que vão de mitologia grega a neurologia, de cálculo a poesia norte-americana contemporânea. As aulas serão projetadas e ministradas por professores de Stanford, Princeton, Universidade da Califórnia em Berkeley, Universidade da Pensilvânia e Universidade de Michigan.

O Coursera se junta a uma série de projetos on-line ambiciosos que visam tornar o ensino superior mais acessível e barato. Muitos desses empreendimentos, no entanto, simplesmente publicam palestras inteiras na web, sem nenhum componente interativo. Outros se esforçam para criar novas universidades do zero.

Os fundadores Daphne Koller e Andrew Ng afirmam que o Coursera será diferente, pois os professores de escolas de prestígio vão ensinar usando o nome de sua universidade e vão adaptar os seus cursos mais populares para a web, incorporando tarefas e exames a aulas em vídeo, respondendo a perguntas dos alunos em fóruns on-line -- e até mesmo, talvez, trabalhando por meio de videoconferência.

Testes de múltipla escolha e de respostas curtas serão avaliados via computador. O Coursera em breve apresentará um sistema de classificação para avaliar trabalhos mais complexos, tais como ensaios ou algoritmos.

Os estudantes não receberão créditos da faculdade. Mas o Coursera pode oferecer "certificados de conclusão" ou transcrições mediante pagamento de uma taxa. Uma empresa também pode tentar lucrar conectando empregadores com alunos que tenham demonstrado aptidão em uma determinada área, disse uma porta-voz.

As universidades participantes esperam se beneficiar aumentando a sua reputação no exterior, conectando-se com ex-alunos distantes e, quem sabe, trazendo doações de alunos on-line agradecidos.

Folha de São Paulo
sds empreendedoras Cida Sales
sds empreendedoras

Problemas Para Parar de Fumar e Nunca Mais Sentir Vontade?
Neste link você vai saber como finalmente resolver isto!
www.cigarronuncamais.org/2

Problemas Com Mau-Hálito? Aprenda Como Curar em 72 Horas!
(e ainda ter dentes mais fortes e saudáveis por toda a vida)
www.fimdomauhalito.org/2

Descubra Como Se Curar Naturalmente Da Insônia Em Apenas 3 Dias!
Saiba como aqui:
www.cura-da-insonia.org/2

Problemas Com Gordura Abdominal? Defina Seu Abdômen!
Clique no link para saber mais:
www.abdomen-sarado.net/2

Problemas De Sudorese? Acabe Com o Excesso De Suor!
Saiba como em:
www.semsuor.org/2

Método Natural Para Acabar Definitivamente Com a Ejaculação Precoce!
Clique abaixo e descubra...
www.duremais.org/2

Descubra os Segredos de Como Não Ser Enganado por vendedores de Carros, Concessionarias, Corretores de Seguros eeconomize de R$ 1.000,00 a R$ 5.000,00 todos os anos
www.osegredodoscarros.net/2/

Livre-se das Multas de Trânsito e Pontuações com o Manual TIRE MULTAS 100% legalizado!Aproveite:
www.detran-multas.net/tiramultas

Como dar bronca no funcionário

O mundo corporativo é repleto de regras.
O profissional precisa usar trajes apropriados, saber se portar em reuniões e eventos de negócios, respeitar horários e prazos, tratar bem os clientes, fornecedores e colegas, entre outras normas de etiqueta.

E é dever dos funcionários e líderes segui-las, ainda mais quando o assunto for chamar a atenção de alguém da equipe.Esta situação exige muito cuidado para não desmotivar o colaborador nem desrespeitá-lo.
Segundo o especialista em comunicação verbal Reinaldo Passadori, toda empresa deve ter regras até na hora de dar bronca: “A organização precisa ter um padrão de conduta.

Quando um funcionário cometer algum erro, o ideal é riscar a palavra bronca do manual. Nesse caso, o adequado é ter uma conversa e explicar como o trabalho ou o fato deveria ter sido conduzido.”De acordo com Passadori, o chefe direto é quem deve falar com o profissional.

“O papo deve ser sério, franco e bem objetivo. E o gestor não pode ressaltar apenas os pontos negativos. Ao elogiar um colaborador, você cria um clima melhor. Assim, vai ser menos difícil quando precisar fazer alguma crítica. O funcionário vai perceber que a conversa corrige o que requer conserto. Os elogios são sinônimo de um reconhecimento imprescindível para o crescimento pessoal e de toda a equipe”, diz.

Para o especialista, o profissional pode argumentar com o chefe desde que saiba conduzir a conversa com respeito. “Ele pode dizer que tem uma outra visão sobre o fato e que gostaria de comentar o que pensa. O importante é argumentar de forma clara, sem qualquer rodeio.

DICASConversa - A bronca não deve ser dada na frente dos outros colaboradores. Esta é uma situação constrangedora para todos da equipe, e acaba desmotivando os profissionais. O ideal é escolher um lugar reservado para conversar com o funcionário.

Paciência -
Se por acaso o chefe começar a gritar ou falar palavrões, o profissional deve manter a calma e ter muita paciência. Jamais responder da mesma maneira. Desta forma, o colaborador evidencia quem está fora de controle da situação.

Por: Nany Kimizuka

Como 5Ss podem melhorar seu bureau

Como ganhar dinheiro em 6 passos fáceis

O empreendedor Jason Fried oferece o mais fundamental de todos os conselhos para pequenas empresas: como ficar bom em fazer dinheiro.

Empresa não pode ter nome no Serasa por dívida fiscal

Por Marcos de Vasconcellos
Uma liminar proferida neste mês proíbiu a Secretaria da Fazendo do Estado de São Paulo de inscrever no Serasa o nome de uma empresa que está devendo ICMS. O nome da companhia ...

Receita vai criar malha fina para empresas

DA AGÊNCIA BRASIL, EM BRASÍLIADE SÃO PAULO.

As pessoas jurídicas também terão a sua malha fina.
A informação é do secretário da Receita Federal, Carlos Alberto Barreto.
A malha fina é o banco de dados do Fisco, onde são armazenadas as declarações que apresentam inconsistências após os diversos cruzamento realizados pelos sistemas informatizados do Fisco.

>> Continua<<

 

Atendimento Online

Promoções

 

Associe-se

 

Downloads

Prezado Parceiro, você precisa estar logado para fazer qualquer DOWNLOAD.

VOCE PODERÁ PRECISAR DO
WINRAR PARA ABRIR ARQUIVOS E DO ADOBE READER
PARA LER, CASO NÃO TENHA OS SOFTWARES MENCIONADOS CLIQUE NOS MESMOS.

ir para a página de DOWNLOADS

Escambo

Aqui você poderá colocar o que deseja de ESCAMBO, seja o que for, só não vale nada ILICÍTO, PIRATA, IMORAL ou CONTRA A LEI, nestes casos o anúncio será excluido e o MEMBRO ou EMPRESA banida de nosso PORTAL.

CLIQUE
AQUI para inserir o seu ESCAMBO.

CLIQUE
AQUI para ver os que já existem.


 

Banco de Talentos


Está procurando uma nova oportunidade no mercado ?
Cadastre
AQUI o seu CURRÍCULO, gratuitamente e tenha mais chances.

 

O que é ter sucesso?

VoltarPlayPróximo
 

HOME | Quem somos | Cadastre-se | Vantagens dos membros | Vantagens das Empresas | Associe-se | Banco de Talentos | Colunistas | Dicas Práticas | Downloads | Empresas | links úteis | Livros recomendados | Membros | MODELOS | Municípios | Notícias | Parceiros | Produtos e Serviços | Sala de Imprensa | Utilidade pública | Vídeos empreendedores | Mapa do site


Voltar para o conteúdo | Voltar para menu principal
Google Analytics Alternative